26 de ago de 2012

A origem de "Las Catrinas"

Creio que a última postagem referente as Tattoos de Catrinas, nos chama a atenção pelas belas ilustrações que são (eu nem sabia que existia isso), logo tal arte nos instiga a seguinte pergunta: "Mas que diabos é isso???"

Como um curioso nato, dei uma pesquisada e compartilho os resultados com o querido público que acompanha os Devaneios dessa formidável equipe.


Bem... Tudo começou em uma Gloriosa terra muito rica em sua cultura, famosa por suas maravilhosas novelas toscamente dubladas aqui no Brasil e claro pelo eterno Chapolin/Chaves, obviamente estou falando do México. Lá em meados de mil oitocentos e alguma coisa, um cara muito chapado e criativo chamado José Guardalupe Pousada adorava fazer gravuras e caricaturas relacionadas a morte, logo, ele criou uma gravura chamada "La Calavera de la Catrina",  que desde então instigou diversos artistas anônimos no desenvolvimento de várias faces da "difunta", se tornando um verdadeiro Ícone nos festejos do Dia dos Finados no México e no mundo contemporâneo nas Tattoos...


"La Calavera de la Catrina" original de João Guardalupe Pousada

Se trata basicamente de uma mulher esqueleto com um chapéu bem enfeitado, a qual representa uma dama da alta sociedade, transmitindo o simples objetivo que todo mundo é igual quando morre...

As Catrinas são originalmente figuras humorísticas, portanto diferentemente do Dia dos Finados que nós conhecemos aqui no Brasil (onde são celebrados de forma melancólica com visitas aos túmulos dos entes queridos), no México esse feriado é celebrado de forma alegre que comemoram as recordações positivas do legado de quem já se foi...

Bem e hoje as Catrinas fazem um grande sucesso desde os festejos no Dia dos Finados, Tatuagens e existem até desfiles que utilizam as Catrinas como tema....




Nenhum comentário:

Postar um comentário